Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Ad

Sardinhas com ervilhas de quebrar em arroz caldoso

Se o inverno é a minha estação preferida para estar em casa, por outro lado a primavera e o verão são as estações mais ricas. Um dos privilégios de viver no meio rural é mesmo esse, poder dispor de fruta e vegetais com fartura, ou porque produzimos cá em casa, ou porque um ou outro vizinho acabam sempre por trazer produtos das terras que trabalham. Ontem uma senhora  (a minha mãe :D ) chegou da horta com um balde.. Sim, daqueles de 10 litros..até ao bordo de ervilhas de quebrar, a minha perdição quer nos estufados, cozidas ou em salteados...
Há algumas semanas conheci uma senhora que revende peixe a domicílio, como nos velhos tempos, que saudades de ouvir o peixeiro apitar à entrada do lugar onde vivo... Corriamos pela eira de pedra abaixo ver se trazia sardinhas. Sim, eu era daquelas poucas crianças que gostam de peixe e era capaz de comer até 6 sardinhas numa refeição (não se nota, pois não?). Ontem a Peixaria Angela trouxe-me 1 kg de sardinha pequena, bem frescas e durinhas. Porque não acompanhar as sardinhas fritas com as ervilhas "da mamã"??
Ingredientes para 4 pessoas:
1 kg de sardinha pequena
200 gramas de ervilha de quebrar
200 gramas de arroz carolino
1 chávena de farinha de trigo
25 gramas de maizena
50 ml de água com gás
3 tomates maduros sem pele nem sementes cortados em cubos
1 cebola roxa picada
1 dente de alho picado
50 gramas de bacon aos cubinhos
50 ml de azeite
1 raminho de salsa
Sal em escamas
Óleo para fritar
Em primeiro lugar arranjamos as sardinhas, retirando as escamas. Se forem das pequeninas, não será necessário retirar a cabeça nem as vísceras; colocamos a escorrer
Num tacho, colocamos o azeite e deixamos aquecer. Juntamos o alho e a cebola picados; deixamos refogar uns 3 minutos, adicionamos o bacon e deixamos refogar mais um pouco. Adicionamos o tomate, deixamos apurar cerca de 5 minutos; juntamos 3 vezes o volume do arroz em  água, temperamos com sal e tapamos. Quando começar a ferver, adicionamos a salsa, as ervilhas e o arroz; reduzimos o lume e deixamos cozinhar durante cerca de 15 minutos.
Entretanto, num recipiente juntamos a farinha, a maizena e a água com gás, misturando bem com a ajuda de umas varas, até obtermos uma consistência que escorra, mas sem ficar demasiado líquida. Colocamos uma frigideira com óleo/azeite abundante a aquecer; quando estiver bem quente, mergulhamos as sardinhas, uma a uma na mistura da farinha, escorremos ligeiramente e fritamos até ficarem douradinhas; retiramos e escorremos sobre um pouco de papel absorvente. Para terminar, salpicamos as sardinhas com sal em escamas.


Nova coleção PARFOIS Desert

1 comentário

Comentar post