Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Ad

Trança com frutos

DSC_0304.JPG

Quando não trabalho ao fim de semana e chove lá fora, só me apetece ligar o forno e a verdade é que ninguém cá em casa consegue resistir quando dele sai aquele cheirinho a pão acabado de cozer. Esta é a minha versão da trança de frutos, que podem substituir por nozes ou sultanas, se preferirem.

Uma coisa é certa, não há dinheiro que pague uma fatia desta trança ainda morna barrada com uma boa manteiga. Experimentem e contem-me quem conseguir!

 

 

Ingredientes para duas tranças grandes:

1 kg de farinha tipo 65 sem fermento mais alguma para polvilhar

500 ml de leite morno

1 colher de sobremesa de sal fino

80 gramas de açúcar

100 gramas de manteiga a temperatura ambiente

50 gramas de fermento fresco de padeiro

3 ovos

500 gramas de frutos cristalizados cortados em cubos

Açúcar em pó para polvilhar

1 gema para pincelar

 

Preparação:

Coloque a farinha num recipiente grande. Abra uma cova no centro e coloque todos os restantes ingredientes.

Com os dedos e fazendo movimentos circulares, vá arrastando para o centro a farinha, misturando-a com os restantes ingredientes.

Amasse até obter uma massa elástica que se descole ddo fundo e paredes do recipiente. Tente não adicionar muita farinha.

Forme uma bola e polvilhe ligeiramente com farinha. Tape com película aderente e deixe repousar até dobrar de volume, num local tépido e afastado de correntes de ar.

Assim que a massa tiver levedado volte a amassá-la para retirar parte do gás e transfira-a para uma bancada polvilhada com farinha.

Com a ajuda de um rolo de cozinha, estenda um rectângulo com cerca de 1 cm de espessura.

Espalhe os frutos em cima da massa e enrole, apertando até obter um cilindo compacto.

Ligue agora o forno nos 180º.

Divida a massa em duas partes iguais.

Ajudando-se d euma faca, corte cada cilindo ao meio, na longitudinal, mas sem que a faca contacte com a bancada, para as metades não se soltarem.

Dobre cada cilindo de massa ao meio e forme uma trança/cordão, sendo que a parte cortada deverá ser visível, ficando na maior parte para cima.

Coloque cada trança num tabuleiro forrado com papel vegetal. Adicione uma colher de sopa de água à gema e pincele as tranças.

Leve ao forno durante 25 a 30 minutos, até terem uma cor dourada e estarem cozidas.

Deixe arrefecer e polvilhe com um pouco de açúcar em pó.

 

Dica: Para dar um brilho extra a este tipo de pães doces gosto de os pincelar, ainda quentes, com um pouco de geleia neutra ou doce de alperce.

DSC_0287.JPG

DSC_0289.JPG

DSC_0290.JPG

DSC_0291.JPG

DSC_0293.JPG

DSC_0294.JPG

DSC_0296.JPG

DSC_0297.JPG

DSC_0299.JPG

DSC_0300.JPG

DSC_0302.JPG

DSC_0305.JPG

DSC_0306.JPG

DSC_0308.JPG

 

Bolo de limão com sementes de papoila

DSC_0258.JPG

Um bolinho fresco, fofo e muito aromático, assim resultou esta minha experiência com limão e sementes de papoila.

Para o recheio e cobertura utilizei buttercream de merengue suiço, à qual adicionei uma gota de corante amarelo em gel e podem aceder à receita clicando AQUI.

Se quiserem um sabor a limão ainda mais vincado, façam como eu e, quando a cobertura estiver pronta, adicionem uma colher de sopa de Lemon curd (receitinha AQUI)

 

 

Ingredientes para o bolo:

4 ovos

200 gramas de margarina

200 gramas de açúcar

200 gramas de farinha

1 colher de chá de fermento em pó

1 colher de sopa de sementes de papoila

1 limão (raspa da casca)

 

Preparação:

Ligue o forno nos 170º.

Unte duas formas com 15 centímetros de diâmetro com manteiga e polvilhe-as com farinha.

Bata a margarina com o açúcar até obter um creme fofo, esbranquiçado.

Sem parar de bater adicione os ovos, um de cada vez, batendo bem entre cada adição. Se a massa ficar com um aspeto "desagregado" não se preocupe.

Peneire a farinha juntamente com o fermento e adicione-a à massa, misturando manualmente com uma colher de pau.

Adicione a raspa da casca do limão e as sementes de papoila e misture, sem bater demasiado.

Distribua a massa pelas duas formas e leve ao forno durante 30 a 40 minutos. Faça o teste do palito.

Deixe arrefecer durante 10 minutos.

Desenforme os bolos para cima de uma grelha até arrefecerem completamente. Depois, corte os topos dos dois bolos e corte cada um pela metade, obtendo assim quatro camadas de bolo.

Coloque uma base de bolo no prato de serviço e cubra com algum creme. Repita o mesmo processo para todas as camadas e, no fim, barre todo o bolo, alise e decore a gosto.

 

DSC_0260.JPG

 

DSC_0263.JPG

DSC_0264.JPG

DSC_0265.JPG

DSC_0268.JPG

 

 

Galette integral de peras com requeijão

DSC_0194.JPG

Sabem que me perco por causa de um bom queijo e, quando me lembro de os incluir em algumas receitas doces, o queijo fresco ou requeijão conferem-lhes aquele toque salgado que cria o equilíbrio perfeito.

Hoje foi dia de experimentar o novo Requeijão para barrar natural, da Saloio. Ligeiramente salgado, suave na boca e muito saboroso. O resultado desta combinação ficou, sem dúvida, aprovado cá em casa, pelo que achei que gostariam que partilhasse a receita.

 

Ingredientes para a massa:

250 gramas de farinha de trigo integral

100 gramas de açúcar amarelo

150 gramas de margarina bem fria cortada em cubos

1 pitada de sal

1 ovo

 

Ingredientes para o recheio:

3 pêras

2 colheres de sopa de açúcar

1 ovo

150 gramas de requeijão (uso Requeijão para barrar natural da Saloio)

1 colher de sopa de açúcar amarelo

Açúcar em pó q.b para polvilhar

 

Preparação da massa:

Coloque a farinha, o açúcar, a margarina e uma pitada de sal num recipiente e trabalhe, com as pontas dos dedos, até obter uma mistura esfarelada.

Adicione o ovo e amasse, até obter uma massa homogéna, moldável.

Forme uma bola, embrulhe em película aderente e leve ao frio durante, pelo menos, meia hora.

Estenda a massa entre duas folhas de papel vegetal polvilhadas com farinha até obter um círculo (não precisa de ser perfeito) com cerca de 30 cm de diâmetro. Insisto para que não recortem os bordos, pois esta técnica dá-lhe um aspeto mais rústico e divertido, sendo que assim também aproveitamos a massa na sua totalidade. Passe a massa, com o papel vegetal por baixo, para uma placa de ir ao forno ou tabuleiro.

Entretanto, ligue o forno nos 180º.

Coloque numa tigela o requeijão, adicione o açúcar e o ovo inteiro e bata até obter um creme homogéneo.

Coloque o creme no centro da masse e espalhe, deixando um bordo com cerca de 2,5 centímetros de cada lado.

Descasque as pêras e corte-as ao meio. Retire-lhes o caroço e corte meias luas com cerca de 1,5 cm de espessura.

Disponha as pêras sob forma circular,  por cima do creme de requeijão.

Dobre os bordos da massa, sobrepondo-a às pêras (ver efeito nas fotos abaixo).

Pincele os bordos com um pouco de água e polvilhe com o açúcar amarelo.

Leve ao forno durante 30 a 35 minutos, até ficar bem dourado.

Deixe arrefecer um pouco e polvilhe com açúcar em pó. Sirva, ainda quente, com uma bola de gelado ;)

 

Preparação da massa na Bimby/Thermomix:

Coloque a farinha, o açúcar, a margarina e uma pitada de sal no copo. Bata 10 Seg na Vel 10.

Adicione o ovo e bata mais 10 Seg na Vel 10.

Forme uma bola, embrulhe em película aderente e leve ao frio durante, pelo menos, meia hora.

DSC_0187.JPG

DSC_0196.JPG

DSC_0201.JPG

DSC_0203.JPG

DSC_0205.JPG

DSC_0207.JPG

DSC_0210.JPG

DSC_0211.JPG

DSC_0212.JPG

DSC_0216.JPG

DSC_0217.JPG

 

Bolo "Floco de neve"

DSC_0172.JPG

Quando falamos de bolos, a maioria acusa-se como fã de bolo de chocolate, o que não é o meu caso; os bolos de que mais gosto são os de laranja ou então de côco; e há tempo que a ideia de fazer um bolo de côco, bem húmido, aromático e rico em sabor me rondava a cabeça...

Hoje passei pelo supermercado e lá estavam eles, com a forma de bolas de rugby, bem peludos, a piscar-me o olho... E não lhes consegui resistir! ;)

 

Ah, aproveito para vos convidar a visitarem a nova página do facebook Soul Cakes. Passem por lá e espreitem o que ando a fazer...

 

Ingredientes:

3 ovos

200 gramas de açúcar

50 gramas de creme culinário (uso Vaqueiro Líquida)

125 gramas de farinha tipo 55 com fermento

150 gramas de coco ralado

1 dl de leite

 

Para a cobertura:

2 dl de leite de coco

100 gramas de açúcar

1 coco fresco

 

Preparação:

Préaqueça o forno nos 170º.

Unte uma forma com 20 cm de diâmetro com manteiga e polvilhe-a com farinha.

Separe as gemas das claras. Adicione metade do açúcar às gemas e bata até obter um creme fofo e esbranquiçado.

Adicione o creme culinário e misture bem. Adicione o leite e misture mais um pouco.

Adicione a farinha, previamente peneirada, e o côco ralado e mexa até estarem bem incorporados na massa.

À parte, bata as claras e, assim que começarem a ficar firmes, adicione o restante açúcar. Bata mais um pouco e adicione-as à mistura anterior, envolvendo-as cuidadosamente com a ajuda de uma espátula de silicone.

Verta o preparado na forma e leve ao forno durante cerca de 45 minutos. Faça o teste do palito, até este sair praticamente seco.

 

Enquanto o bolo coze, prepare a cobertura:

Coloque o leite de coco e o açúcar num tacho e leve a lume médio, mexendo de vez em quando, durante 5 minutos.

Assim que o bolo estiver cozido, retire-os do forno e deixe arrefecer durante 5 minutos. Desenforme e pique o topo com um palito ou garfo.

Com a ajuda de um pincel, embeba o bolo com metade do molho de leite de coco.

Deixe arrefecer (de preferência para o dia seguinte).

Com a ajuda de um martelo e muito cuidadosamente, abra o coco pela metade e retire a "polpa"; Descasque-o ajudando-se de um descascador ou de uma faca pequena afiada.

Assim que o bolo estiver completamente frio, regue-o com o molho restante e polvilhe-o generosamente com o coco fresco grosseiramente ralado.

 

Nota: Pode substituir o coco fresco por lascas ou coco ralado de compra.

DSC_0167.JPG

DSC_0173.JPG

DSC_0174.JPG

DSC_0176.JPG

DSC_0177.JPG

DSC_0181.JPG

DSC_0182.JPG

DSC_0183.JPG

DSC_0184.JPG

DSC_0185.JPG

 

Nova coleção PARFOIS Desert

Pág. 2/2