Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Ad

Pão de forma de espinafres sem côdea

DSC_0115.JPG

Se há desafios que me fazem "fervilhar" são os lançados pela S da Flores da Aldeia . Já há dias que me tentava com um pão verde, feito com espinafres.

Ora cá está ele, bem fofinho, sem côdea e excelente para comer assim, simples, barrado com queijo creme ou recheado ;)

 

Ingredientes:

500 gramas de farinha tipo 65 sem fermento

25 gramas de fermento fresco de padeiro

200 ml de água tépida

1 colher de sopa de açúcar

1 colher de chá de sal

Óleo q.b para untar

50 gramas de folhas de espinafres

 

Preparação:

Coza os espinafres, num pouco de água fervente temperada com sal, durante cerca de 2 minutos. Escorra e reduza os espinafres a puré, ainda quentes. Reserve.

Coloque a farinha num recipiente. Abra no centro uma cavidade e coloque nela todos os restantes ingredientes. Amasse, de dentro para fora, envolvendo a farinha do rebordo.

Assim que obtiver uma massa homogénea, transfira-a para uma bancada limpa, polvilhada com farinha e amasse durante cerca de 5 minutos, até descolar das mãos e da bancada.

Forme uma bola e coloque-a novamente no recipiente, ligeiramente polvilhado com farinha. Envolva com película aderente e deixe levedar até duplicar o volume.

Unte uma forma pequena de bolo inglês com óleo.

Retire a massa do recipiente, amasse novamente e coloque-a dentro da forma. Deixe levedar durante mais 20 minutos.

Coloque ao lume uma panela própria para cozer a vapor, com cerca de 5 centímetros de água.

Coloque a forma com a massa dentro da panela, em cima da grelha e tape com papel vegetal também pincelado com óleo. Tape a panela e deixe cozinhar em fogo médio durante cerca de 45 minutos.

Deixe arrefecer um pouco antes de desenformar.

 

Preparação na Bimby:

Coloque cerca de 1 litro de água no copo. Tempere com sal. Coloque os espinafres na varoma  e programe 10 Min, Vel.1 com a Varoma ligada.

Esvazie a água do copo, coloque nele os espinafres juntamente com 200 ml de água, o sal, o açúcar e o fermento e programe 2 Min na Vel 1 a 37º.

Adicione a farinha e programe mais 2 Min com a Espiga ligada.

Forme uma bola com a massa, coloque-a num recipiente polvilhado com farinha, tape com película aderente e deixe levedar num local morno até duplicar o seu volume.

Unte uma forma pequena de bolo inglês com óleo.

Retire a massa do recipiente, amasse novamente e coloque-a dentro da forma. Deixe levedar durante mais 20 minutos.

Coloque 1 litro de água no copo.

Programe 45 Min, Vel 1 com a Varoma ligada.

Coloque a forma dentro da varoma e tape com papel vegetal pincelado com um pouco de óleo.

Passados os 45 minutos, retire a forma e deixe arrefecer um pouco antes de desenformar.

DSC_0097.JPG

DSC_0098.JPG

DSC_0099.JPG

DSC_0101.JPG

DSC_0105.JPG

DSC_0106.JPG

DSC_0107.JPG

DSC_0111.JPG

DSC_0112.JPG

DSC_0114.JPG

DSC_0117.JPG

 

Um bolo de cenoura para #amelhormãedomundo

DSC_0137.JPG

Porque às vezes as palavras sobram e um gesto diz tudo, este é o bolinho (sim, é relativamente pequeno) que fiz para aquela que é, para mim, a melhor mãe!

 

Ingredientes:

*Copo com capacidade para 250 ml

1,5 copo de farinha para bolos com fermento

1 copo de açúcar amarelo

1/2 copo de óleo

2 ovos grandes

1 colher de chá de bicarbonato de sódio

1 colher de chá de canela

2 copos de cenoura ralada

 

Para o recheio/cobertura:

200 gramas de queijo creme

200 gramas de açúcar em pó

200 gramas de manteiga sem sal a temperatura ambiente

 

Preparação do bolo:

Unte uma forma com 15 cms de diâmetro com manteiga e polvilhe com farinha.

Peneire para um recipiente a farinha, o bicarbonato e a canela. Adicione o açúcar amarelo e misture.

Bata ligeiramente os ovos com o óleo e adicione-os à mistura dos ingredientes secos. Adicione também a cenoura ralada. Misture bem e verta o preparado na forma.

Leve a forno préaquecido nos 175º durante cerca de 45 minutos. Faça o teste do palito.

Deixe arrefecer um pouco, desenforme e deixe arrefecer completamente em cima de uma grelha.

 

Preparação do creme:

Bata o queijo creme com o açúcar em pó até obter um creme sem grumos.

Sem parar de bater, adicione a manteiga e bata a velocidade média durante 3 a 5 minutos, até obter um creme fofo, esbranquiçado. Reserve no frio.

 

Corte o bolo em três partes, na horizontal.

Coloque um disco de bolo no prato de serviço e aplique uma camada com cerca de 1/2 cm de creme e alise.

Repita o processo para as outras camadas.

Finalmente, barre todo o bolo com o creme e alise com a juda de uma espátula.

 

Dicas: Decore com cenouras baby cozidas em água temperada com sal durante 3 minutos. Escorra e passe as cenouras por açúcar granulado.

 

DSC_0129.JPG

DSC_0131.JPG

DSC_0132.JPG

DSC_0134.JPG

DSC_0136.JPG

DSC_0139.JPG

 

Cupcakes borboleta de morango

 

 

DSC_0125.JPG

Como a Vaqueiro está sempre a lançar-nos desafios e a apresentar novas receitas e formas de apresentação, cá vai a minha versão dos Cupcakes borboleta de morango :)

 

Ingredientes:

150 gramas de açúcar amarelo

100 gramas de Vaqueiro Líquida

2 ovos grandes

200 gramas de farinha de trigo

50 gramas de cacau em pó

1 iogurte natural

1 colher de café de fermento em pó para bolos

 

Para a cobertura:

200 gramas de morangos

200 gramas de queijo creme

200 gramas de açúcar em pó

 

Preparação:

Coloque na taça da batedeira o açúcar e a Vaqueiro Líquida e bata até obter um creme fofo.

Adicione os ovos, um de cada vez, esperando que se forme um creme homogéneo.

Reduza a velocidade e adicione o iogorte seguido  da farinha, o cacau e o fermento previamente peneirados e bata até obter uma massa homogénea.

Distribua o preparado anterior por 12 formas para queques forradas com caixinhas de papel e leve a forno pré-aquecido nos 180º durante cerca de 20 minutos.

Retire do forno e deixe arrefecer completamente.

 

Preparação do creme e montagem:

Misture o queijo creme com o açúcar em pó até obter um creme homogéneo.

Barre os cupcakes com o creme e disponha por cima os morangos. Ver vídeo de sugestão AQUI.

DSC_0123.JPG

DSC_0127.JPG

 

 

Bolo de figos com creme de queijo

DSC_0101.JPG

O verão traduzido num bolo...

 

Ingredientes:

150 gramas de farinha para bolos com fermento

100 gramas de açúcar amarelo

100 gramas de Vaqueiro sabor a manteiga à temperatura ambiente

2 colheres de sopa de doce de figo

2 ovos

1 colher de chá de bicarbonato de sódio

 

Para o recheio e cobertura:

200 gramas de queijo creme

200 gramas de açúcar em pó

100 gramas de manteiga à temperatura ambiente

300 gramas de figos frescos

corante alimentar verde e amarelo

 

Preparação:

Unte uma forma com 15 cm de diâmetro com manteiga e polvilhe-a com farinha.

Peneira a farinha e o bicarbonato para uma taça.

Adicione o açúcar amarelo e misture bem.

Abra uma cavidade no centro e coloque nela o doce de figo, os ovos e a Vaqueiro sabor a manteiga. Misture tudo, com a ajuda de uma colher de pau, até obter uma massa homogénea.

Verta o preparado na forma e leve ao forno préaquecido a 175º durante cerca de 40 minutos. Certifique-se de que está cozido fazendo o teste do palito.

Deixe arrefecer um pouco, desenforme e deixe arrefecer completamente.

 

Preparação do recheio e cobertura:

Bata os queijo creme juntamente com o açúcar em pó.

Adicione a manteiga amolecida e bata mais um pouco até obter um creme homogéneo. Divida o creme em três partes iguais. Adicione uma gota de corante verde num dos recipientes e misture bem até a cor ficar bem distribuída. Ao restante creme, adicione corante amarelo e mexa até obter o tom que desejar.

Corte os figos em rodelas finas, deixando um inteiro para decorar.

Corte o bolo em três partes, na horizontal.

No prato de servir, coloque uma camada de bolo; barre com o creme amarelo e disponha algumas rodelas de figo.

Repita o processo até acabar todos os componentes.

Finalmente, barre todo o bolo com o creme de cor verde e decore com o figo que tinha reservado.

 

Dica: Decorei também com praliné: Basta levar ao lume numa pequena frigideira antiaderente 100 gramas de açúcar, até ficar em caramelo, momento em que se adicionam duas colheres de sopa de amêndoa laminada. Mistura-se bem e verte-se sobre uma folha de papel vegetal. Assim que arrefecer, está pronto para cortar com uma faca. Evite tocar no caramelo depois de frio com os dedos, para não lhe transmitir humidade.

 

DSC_0084.JPG

DSC_0087.JPG

 

DSC_0090.JPG

DSC_0094.JPG

DSC_0095.JPG

DSC_0103.JPG

DSC_0105.JPG

 

Nova coleção PARFOIS Desert