Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Ad

Frango com ervilhas

frango com ervilhas.JPG

Este é um daqueles pratos económicos e saborosos que me faz recordar as refeições quando era criança, numa mesa rodeada de gente.

Experimentem e contem-me se conseguiram resistir a passar um bom pedaço de pão no molho.

 

Ingredientes para 3 pessoas:

1/2 frango (cerca de 500 gramas)

1 cebola grande

2 dentes de alho

50 ml de azeite

1 copo de vinho branco

4 colheres de sopa de polpa de tomate

1 colher de sopa de açúcar

2 chávenas de ervilhas

Sal e pimenta q.b

 

Preparação:

Lave o frango e corte-o em pedaços.

Pique a cebola e os alhos e refogue-os ligeiramente no azeite.

Adicione o frango, tempere com sal e pimenta  e deixe refogar por 5 minutos, até ganhar um pouco de cor.

Adicione o vinho branco, a polpa de tomate e o açúcar e deixe cozinhar em fogo médio, com o tacho tapado, por cerca de 20 minutos.

Retifique os temperos, adicione as ervilhas e deixe cozinhar por mais 5 minutos.

Sirva acompanhado de arroz branco.

Pudim de pão e frutos do bosque

DSC_0230.jpg

Nunca se perguntaram o que fazer quando vos sobra imenso pão, já cortado ou mesmo aparas de pão de forma que não dão para servir novamente? Sim, podem deixar secar e triturar para obter pão ralado. Podem também fazer rabanadas, mas o meu método preferido para reaproveitar  pão é sob a forma de pudim.

Com frutos vermelhos então nem vos conto!

Tenho a certeza que não voltarão a deitar pão no lixo ;)

 

Ingredientes:

300 gramas de pão duro

4 ovos grandes

200 gramas de açúcar

1 litro de leite

1 limão (casca)

300 gramas de frutos do bosque frescos ou congelados (groselhas, mirtilos, amoras, framboesas)

Caramelo q.b

 

Preparação:

Desfaça o pão em pequenos  pedaços para um recipiente grande. Adicione o açúcar e misture.

Ferva o leite juntamente a casca do limão.

Assim que ferver, retire a casca de limão e verta o leite por cima do pão. Misture um pouco com uma colher de pau. Se não gostar de encontrar pequenos pedaços de pão, triture com a varinha mágica.

Quando a mistura de pão estiver morna, adicione os frutos vermelhos seguidos dos ovos, ligeiramente batidos. Misture bem.

Barre uma forma grande para pudim com caramelo e encha-a com o preparado anterior.

Tape e leve a cozer em banho-maria durante hora e meia num tacho, ou no forno a 170º.

Deixe arrefecer completamente no frigorífico antes de desenformar. O ideal é fazer no dia anterior.

Decore com os frutos sobrantes.

DSC_0236.jpg

DSC_0247.jpg

 

Pavlova florida

DSC_0199.jpg

Esta é uma semana de trabalho, muito trabalho... mas sempre com um tempinho extra para não perder os costumes :)

Aproveitei no início da semana, ainda tranquilito para visitar as Flores da Aldeia e, agora que os vegetais e flores estão no auge, é impossível não reparar neles!! Havia tantas flores bonitas a tentarem-me seduzir que acabei por trazer comigo algumas das variedades que são aptas para consumo.

Sim, experimentem oferecer um bolo decorado com flores e digam aos vossos amigos para comerem tudo tudo, que nem precisam de colocar as flores na beira do prato!

Cultivadas sem a adição de adubos ou pesticidas químicos, estas são algumas das flores que escolhi para decorar mais uma pavlova. Digam lá se não parece uma pintura!

Se não tiverem uma Flores da Aldeia por perto, comprem as sementes e cultivem-nas em pequenos vasos ou canteiros.

E já sabem, esta é uma forma diferente de oferecer flores ;)

 

Imagens retiradas da net

 

Cosmos:

 

 

 

 

 

 

Nigella:

Capuchinhas:

Borragem:

 

Ingredientes para a base:

4 claras de ovo a temperatura ambiente

200 gramas de açúcar

1 colher de chá de vinagre

2 colheres de chá de Maizena

 

Para a cobertura:

300 ml de natas para bater

50 gramas de açúcar

flores comestíveis q.b

1 chávena de groselhas

 
Preparação da base:
Comece por pré-aquecer o forno  a 150º.
Com a ajuda de um prato ou forma, desenhe um círculo com cerca de 24 cm numa folha de papel vegetal em cima do tabuleiro que utilizará para ir ao forno. Dê a volta ao papel e reserve.
Bata as claras em castelo. Quando começarem a formar picos, adicione o açúcar, gradualmente e sem parar de bater. Adicione o vinagre e bata mais um pouco.
Adicione a maizena e envolva com uma espátula.
Coloque o preparado em cima do círculo desenhado no papel vegetal, espalhando com uma colher.
Coloque no forno e reduza a temperatura para 130º. Cozinhe durante cerca de uma hora a hora e meia, evitando abrir o forno. Desligue o forno e deixe arrefecer completamente lá dentro.
 
Preparação da cobertura:
Bata as natas até começarem a ficar firmes. Adicione o açúcar e bata mais um pouco.
 
Montagem:
Com a pavlova completamente fria, coloque as natas batidas no topo e espalhe um pouco.
Decore com as flores comestíveis e algumas groselhas.

DSC_0200.jpg

DSC_0215.jpg

 

Nova coleção PARFOIS Desert

Pág. 3/3