Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Ad

Mousse de iogurte com morangos e crocante de amendoim

Quem consegue dizer que não a uma sobremesa bem fresquinha com sabor a iogurte, regada com um puré de morangos? E se esse sabor for contrastado pela textura crocante de amendoim e um toque salgado de manteiga com bolacha??
Ingredientes para 6 pessoas:
150 gramas de bolacha digestiva
50 gramas de manteiga amolecida
200 ml de natas
2 iogurtes gregos
200 gramas de morangos
200 gramas de açúcar
4 folhas de gelatina
Amendoins  pelados q.b
Colocamos as bolachas no robot de cozinha e trituramos. Caso não tenham robot, podem colocar as bolachas dentro de um saco e esmagar com o rolo da massa; passamos o resultado para um recipiente, adicionamos a manteiga amolecida e misturamos bem com uma colher. Distribuímos por taças individuais ou pequenos frascos e reservamos no frigorífico.
Lavamos os morangos, cortamos em metades, colocamos num tacho juntamente com 150 gramas de açúcar e deixamos ferver durante cerca de 10 minutos; trituramos com a varinha mágica e reservamos.
Num recipiente, colocamos as natas e batemos até que estas fiquem firmes. Adicionamos o açúcar restante e os iogurtes e batemos.
Colocamos as folhas de gelatina de molho em água fria durante cerca de 5 minutos; escorremos e derretemos no micro-ondas durante 10 segundos aproximadamente a potência média. Adicionamos à mistura das natas e mexemos bem.
Distribuimos o preparado das natas pelas taças e levamos ao frio durante pelo menos uma hora.
Na hora de servir, regamos com o puré de morangos e salpicamos com alguns amendoins.
 

Tarteletes de salmão e tomate cherry

É costume na Páscoa haver abundância e gente à volta da mesa. Mas como em todas as festividades, acaba por sobrar comida. De um restinho de salmão, massa quebrada e tomates cherry que utilizei para fazer os aperitivos da passada sexta-feira, decidi fazer umas pequenas tarteletes que podem levar na marmita para o trabalho, o mesmo para um pic-nic. São de preparação muito rápida e económica.
Ingredientes para 8 tarteletes:
200 gramas de salmão
1 rolo de massa quebrada
4 ovos
75 ml de natas
50 gramas de queijo emmental em cubos
75 gramas de tomate cherry cortados ao meio
1/2 alho francês
2 colheres de sopa de azeite
Manteiga para untar
Oregãos q.b.
Rúcula q.b
Sal e pimenta q.b
Limpamos o salmão de pele e espinhas e cortamos em cubinhos. Lavamos o alho francês, cortamos ao meio longitudinalmente e, posteriormente, em tiras finas. 
Estendemos um pouco a massa e forramos as formas previamente untadas com manteiga.
Aquecemos uma frigideira, na qual colocamos o azeite; adicionamos o alho francês, seguido do salmão. Deixamos cozinhar durante cerca de 3 minutos, temperamos com sal, pimenta e oregãos e distribuimos pelas formas, seguido do queijo.
Batemos os ovos juntamente com as natas e um pouco de sal e acabamos de encher as tarteletes. Dispomos em cada tartelete dois ou três meios tomatinhos e levamos a forno pré-aquecido a 200º durante cerca de 15 minutos.
Desenformamos, deixamos arrefecer um pouco e salpicamos com as folhas de rúcula.

Torta de claras com morangos

Com a preparação do tradicional pão-de-ló que gasta mais gemas do que claras, as últimas acabam sempre por sobrar e como não sou de deitar nada fora, faço sempre um molotoff ou alguma tarte merengada, pois são sobremesas rápida e de que toda a gente cá em casa gosta. Hoje, logo de manhãzinha recebi uma mensagem da Liliana a dizer "queres claras?"; aproveito para vos falar um bocadinho dela, proprietária da página Made With Love que nos tempos "forçosamente" livres, se dedica a fazer trabalhos manuais em papel, cartão e feltro, passando por miminhos para os mais pequenos, assim como álbuns, identificadores, correntinhas para a xupeta e muitas mais obras, todos personalizados com nome, cores, preferências dos clientes, pelo que vos convido a visitar a página no facebook, carregando aqui.
Voltando à receita de hoje, é de preparação muito rápida e uma boa opção para estes dias mais cálidos.
Ingredientes:
12 claras
10 colheres de açúcar 
100 gramas de açúcar mascavado
300 gramas de morangos
50 ml de água
Nozes para decorar
Manteiga para untar
Pré-aquecemos o forno a 180º. Untamos um tabuleiro grande (costumo usar o que vem de série com o forno) com manteiga, forramos com papel vegetal e voltamos a untar; reservamos.
Lavamos e cortamos em metades os morangos e colocamos juntamente com o açúcar mascavado e 50 ml de água num tachinho que levamos ao lume durante cerca de 10 minutos; Retiramos do fogo, passamos com a varinha mágica e reservamos.
Num recipiente grande, batemos as claras em castelo; adicionamos as 10 colheres de açúcar, sem parar de bater, até que fiquem bem firmes. Distribuimos o preparado no tabuleiro, alisando com uma espátula e cozinhamos no forno durante 12 minutos. 
Retiramos do forno e, puxando o papel vamos enrolando a nossa torta. Apertamos um pouco e deixamos repousar durante cerca de 10 minutos, para fixar.
Já no prato de serviço, regamos com o coulis de morango e decoramos com nozes.

Sardinhas com ervilhas de quebrar em arroz caldoso

Se o inverno é a minha estação preferida para estar em casa, por outro lado a primavera e o verão são as estações mais ricas. Um dos privilégios de viver no meio rural é mesmo esse, poder dispor de fruta e vegetais com fartura, ou porque produzimos cá em casa, ou porque um ou outro vizinho acabam sempre por trazer produtos das terras que trabalham. Ontem uma senhora  (a minha mãe :D ) chegou da horta com um balde.. Sim, daqueles de 10 litros..até ao bordo de ervilhas de quebrar, a minha perdição quer nos estufados, cozidas ou em salteados...
Há algumas semanas conheci uma senhora que revende peixe a domicílio, como nos velhos tempos, que saudades de ouvir o peixeiro apitar à entrada do lugar onde vivo... Corriamos pela eira de pedra abaixo ver se trazia sardinhas. Sim, eu era daquelas poucas crianças que gostam de peixe e era capaz de comer até 6 sardinhas numa refeição (não se nota, pois não?). Ontem a Peixaria Angela trouxe-me 1 kg de sardinha pequena, bem frescas e durinhas. Porque não acompanhar as sardinhas fritas com as ervilhas "da mamã"??
Ingredientes para 4 pessoas:
1 kg de sardinha pequena
200 gramas de ervilha de quebrar
200 gramas de arroz carolino
1 chávena de farinha de trigo
25 gramas de maizena
50 ml de água com gás
3 tomates maduros sem pele nem sementes cortados em cubos
1 cebola roxa picada
1 dente de alho picado
50 gramas de bacon aos cubinhos
50 ml de azeite
1 raminho de salsa
Sal em escamas
Óleo para fritar
Em primeiro lugar arranjamos as sardinhas, retirando as escamas. Se forem das pequeninas, não será necessário retirar a cabeça nem as vísceras; colocamos a escorrer
Num tacho, colocamos o azeite e deixamos aquecer. Juntamos o alho e a cebola picados; deixamos refogar uns 3 minutos, adicionamos o bacon e deixamos refogar mais um pouco. Adicionamos o tomate, deixamos apurar cerca de 5 minutos; juntamos 3 vezes o volume do arroz em  água, temperamos com sal e tapamos. Quando começar a ferver, adicionamos a salsa, as ervilhas e o arroz; reduzimos o lume e deixamos cozinhar durante cerca de 15 minutos.
Entretanto, num recipiente juntamos a farinha, a maizena e a água com gás, misturando bem com a ajuda de umas varas, até obtermos uma consistência que escorra, mas sem ficar demasiado líquida. Colocamos uma frigideira com óleo/azeite abundante a aquecer; quando estiver bem quente, mergulhamos as sardinhas, uma a uma na mistura da farinha, escorremos ligeiramente e fritamos até ficarem douradinhas; retiramos e escorremos sobre um pouco de papel absorvente. Para terminar, salpicamos as sardinhas com sal em escamas.


Nova coleção PARFOIS Desert